DarkSide Books

O Massacre da Serra Elétrica [Arquivos Sangrentos] Limited Edition

EDIÇÃO ESPECIAL SANGRENTA, EM CAPA DURA E HOT STAMP. UMA OBRA INCOMPARÁVEL DO MEDO, ESCRITA DE FÃ PARA FÃ!

Do mesmo diretor de clássicos do cinema de terror, como Poltergeist (1982, parceria com Steven Spielberg), e de Pague para Entrar, Reze para Sair (The Funhouse, 1981), o cultuado O Massacre da Serra Elétrica marcou o inconsciente coletivo com seu serial killer mascarado. Em 1974, o filme de horror de baixo orçamento e sem estrelas causou pânico entre os censores, ao mesmo tempo em que arrancou dos fãs as mais diversas manifestações de júbilo e alegria, e continua ainda hoje tão poderoso e impactante quanto quando lançado, 30 anos atrás. Prova disso é o remake 3D lançado neste começo de 2013.

Agora, com O Massacre da Serra Elétrica [Arquivos Sangrentos], que inaugura a Coleção Dissecando – Filmes Clássicos de Terror, sobre os filmes clássicos do terror, da Darkside®, você vai conhecer tudo sobre esta obra incomparável do medo, escrito por alguém que é fã do assunto. O livro do músico e escritor Stefan Jaworzyn reúne histórias dos bastidores dos filmes da série, perfis do diretor e do psicopata que inspirou o longa, críticas da época, além dos relatórios que recomendavam a censura do filme, tudo amplamente ilustrado com fotografias raras e inéditas da filmagem e os cartazes que a obra ganhou mundo afora.

LIGUE A SERRA ELÉTRICA

AMAZON FNAC CIADOSLIVROS LIVRARIA DA FOLHA CULTURA MARTINS FONTES EXTRA PONTOFRIO CASAS BAHIA TRAVESSA AMERICANAS SUBMARINO SHOPTIME

O filme é inspirado no psicopata Ed Gein – que exumava cadáveres de cemitérios, produzindo com eles relíquias para a sua coleção particular de memorabilia –, e num crime que havia acontecido um ano antes no Texas e chocado a sociedade norte-americana, que deu origem a uma série de lendas urbanas. O Massacre da Serra Elétrica acabou por se tornar um do mais importantes e controversos filmes de terror da história do cinema, influenciando praticamente todo grande filme do gênero feito após dele. A obra dirigida por Tobe Hooper chamou a atenção e ganhou o respeito dos fãs do gênero por abordar a história de maneira realista, quase documental, o que confundiu e assustou autoridades e censores mundo afora, que proibiram a obra por muitos anos de ser exibida em dezenas de países, o que só ajudou a despertar a curiosidade do público. Curiosamente, o filme tem pouco sangue, mas impressiona pelas interpretações convincentes de todos.

Ed Gein – que já havia sido inspiração para Norman Bates, de Psicose (1960), clássico de Alfred Hitchcock, e iria inspirar mais tarde Hannibal Lecter, de O Silêncio dos Inocentes (1991), de Jonathan Demme – foi a principal referência para Gunnar Hansen, o ator responsável pela seminal interpretação de Leatherface, que inclusive gerou especulações de que algumas das cenas do filme seriam reais. O enredo é simples e conhecido: jovens em seu furgão pelas estradas do Meio-Oeste norte-americano param em uma fazenda a procura de ajuda. Começa então uma caçada aterrorizante, repleta de suspense e horror, que vai culminar com o massacre do título.

[Arquivos Sangrentos]

Baseado em novas e completas entrevistas com mais de 20 pessoas do elenco e da equipe de produção, O Massacre da Serra Elétrica [Arquivos Sangrentos] integra a Coleção Dissecando, da DarkSide®, e apresenta pela primeira vez o making of e a história completa da série, revelando seus bastidores e inclui um prefácio do próprio Leatherface (Gunnar Hansen); fotografias raras e inéditas das produções; cobertura aprofundada das cinco sequências que o filme teve até hoje, e muito mais.

Aumente o volume de sua serra elétrica e disseque este clássico que já foi definido como “A degradação absoluta da imaginação artística” e ajudou a formar muitos diretores da nova geração!

A Coleção Dissecando – Filmes Clássicos de Terror vai apresentar os bastidores de algumas das principais obras do gênero, ressaltando um importante ponto em comum entre todas elas: a amizade en- tre jovens apaixonados por cinema e muito sangue, que os leva a criar sem muito dinheiro e condições, e com bastante improviso, os filmes que queriam fazer, as histórias que queriam contar. Uma verdadeira aula de como você também pode fazer isso, basta ter os amigos certos, uma boa ideia e muita atitude.

“E eu pensava que seria apenas mais um filme de horror de baixo orçamento... Bem, eu estava errado.”
– do prefácio de Gunnar Hansen, o Leatherface no filme original –

“Um dos mais assustadores filmes de todos os tempos.”
– Entertainment Weekly –

“Ainda o melhor filme de todos os tempos quando se trata do medo puro e simples.” – Stephen King –

Autor
Tradutores
Descrição
Stefan Jaworzyn editou o fanzine de horror Shock Xpress (1985-1990), que deu origem à série de livros homônimos. O inglês também é fundador do festival de filmes de horror Shock Around the Clock e guitarrista, tendo participado da banda de rock Skullkflower, da banda de jazz Ascension, além do projeto paralelo Descension. Jaworzyn criou também sua própria gravadora, a Shock Records (1989-1996),  que retomou os seus trabalhos em 2013.
Antônio Tibau é roteirista e redator publicitário, mas gosta mesmo é de tirar onda de guitarrista. Quando moleque, passava noites sem dormir com medo dos monstros de borracha e dos litros de ketchup, abundantes nos seus filmes favoritos. Hoje, fica madrugada a dentro pensando em histórias que possam arrepiar as novas gerações. Fã de Alice Cooper, Neil Gaiman, Álvares de Azevedo e Brasinha (mascote do América, seu time de coração), Tibau acredita que o apocalipse zumbi será inevitável, mas ainda é cedo para trocar o filé Oswaldo Aranha por miolos.

Dalton Caldas é escritor, tradutor e professor. Estudou Comunicação Social na Califórnia. De volta ao Brasil, trabalhou brevemente para a Revista Vogue em São Paulo e percebeu que não tinha muito a ver com o mundo da moda. Mudou-se para o Rio e começou a traduzir material de imprensa para lançamentos internacionais para a Conspiração Filmes, assim como roteiros e projetos para captação de recursos pelas matrizes da HBO, Discovery e Columbia. Trabalhou com a Fundação Konrad Adenauer para projetos ambientais apresentados na Rio+20. Nas horas vagas, gosta de pensar que é um cantor de fama internacional.

 
Especificações do livro | Encadernação: capa dura - Formato: 16x23cm - Número de páginas: 320 - ISBN: 9788566636048 - Autor: Stefan Jaworzyn - Tradução: Antônio Tibau e Dalton Caldas. - Editora: DarkSide® - Idioma: português - Gênero: cinema/terror

QUEM LEU SOBRE ESTE LIVRO, LEU TAMBÉM:

  • O Massacre da Serra Elétrica [Arquivos Sangrentos] Classic Edition
  • Evil Dead – A Morte do Demônio [Arquivos Mortos] Limited Edition
  • Evil Dead – A Morte do Demônio [Arquivos Mortos] Classic Edition
  • Coração Satânico




A cada página de um livro, a cada fase de um jogo, a cada calafrio, estaremos apostando sempre no escuro, no mágico, no inusitado e no novo. Go play! - O terror, a fantasia, o suspense, o mágico. A Editora DarkSide® apresenta o que há de mais interessante e instigante no universo sombrio da literatura, de ontem e de hoje. Todos os direitos reservados© DarkSide® Entretenimento Ltda. www.darksidebooks.com. Oh My gore! Keep Walking Dead. Estranhamente o medo nos cativa.