Box Terror VHS

Box Terror VHS

Por: R$ 69,90

Preço a vista: R$ 69,90

5% de Descontono boleto
Comprar

+ infos
> book preview
> book trailer
MARCA:
ISBN:
978-85-66636-69-7

“HAROLD SCHECHTER SOU EU NO ESPELHO”

ILANA CASOY, ESPECIALISTA EM SERIAL KILLERS NO BRASIL

Gênero
Não-Ficção
Páginas
400
Idioma
Português
Formato
14x21cm
Peso
280g
Acabamento
Capa Dura
Corte
Colorido

ENTRE NA MENTE DOS PSICOPATAS -

O que faz gente aparentemente normal começar a matar e não parar mais? O que move – e o que pode deter – assassinos em série como Ed Gein.

SOBRE O AUTOR +

O que faz gente aparentemente normal começar a matar e não parar mais? O que move – e o que pode deter – assassinos em série como Ed Gein, o psicopata americano que inspirou os mais célebres maníacos do cinema, como Norman Bates (Psicose, de Alfred Hitchcok), Leatherface (O Massacre da Serra Elétrica, de Tobe Hooper) e Hannibal Lecter (O Silêncio dos Inocentes, de Jonathan Demme). Como explicar a compulsão por matar e o prazer de causar dor, sem qualquer arrependimento? De onde vem tanta fúria? As respostas estão no livro da editora DarkSide® Books: SERIAL KILLERS: ANATOMIA DO MAL, dossiê definitivo sobre o universo sombrio dos psicopatas mais perversos da história. Escrito por Harold Schechter – que pesquisa o tema há mais de três décadas e já publicou, inclusive, a biografia de Ed Gein, Deviant (1998) -, o livro é referência fundamental a todos os que se interessam pelo universo da investigação e da criminologia. Pontuado por curiosidades macabras, dados científicos e fatos pouco conhecidos sobre a trajetória dos principais criminosos em série dos Estados Unidos, SERIAL KILLERS: ANATOMIA DO MAL abrange desde a criação do termo serial killer no início do Século XX (conforme exibido na série MINDHUNTER, da Netflix) até o fascínio exercido por matadores seriais na cultura pop (cinema, música e literatura). Com clareza, ritmo e muita informação, Harold Schechter traça perfis psicológicos impressionantes de criminosos que desafiaram a polícia, viraram notícia e continuam a nos assombrar nas telas da TV e do cinema. Além de Ed Gein, a galeria de personagens sinistros inclui o cannibal Jeffrey Dahmer, que chegou a matar e devorar uma pessoa por semana no verão de 1991; a ex-prostituta Aillen Wuornos (inspiração para o filme Monster), que, depois de confessar seis assassinatos, pediu para ser condenada à morte para interromper a matança; o assassino Zodíaco (cuja verdadeira identidade é desconhecida até hoje); Charles Manson, o lunático que comandou o assassinato da atriz Sharon Tate em um ritual macabro; e Green River Killer, principal assassino de prostitutas da história, só capturado pela polícia com a ajuda de outro serial killer. Em SERIAL KILLERS: ANATOMIA DO MAL você vai descobrir como eles matam e por que matam. Por prazer, dor, amor ou desespero. Por conta de famílias disfuncionais e infâncias perturbadoras. Em nome do demônio ou para o jantar… Histórias reais, assassinos reais, de uma maneira que você nunca viu, estudados com profundidade, rigor científico e conhecimento psicológico. Um livro fundamental para quem se apaixonou por MINDHUNTER, CSI, Dexter, Criminal Minds e para quem acompanha o canal Discovery Investigation e quer entender o que se passa na mente dos assassinos mais temidos e cruéis de todos os tempos. Sem dúvida, oriundos de um sociedade que precisa repensar urgentemente como cicatrizar essas feridas abertas.

A linha editorial que ama a nona arte.

CADASTRE-SE.
ENTRE PARA A FAMÍLIA

FIQUE POR DENTRO E RECEBA NOVIDADES, PROMOÇÕES, KITS EXCLUSIVOS EM PRIMEIRA MÃO.

Especificações de Produto

Edição
Publicação2014
AutorVARIOS AUTORES
ISBN9788566636338
Sobre o AutorBill Warren é crítico e historiador de cinema. Nasceu em 1943 no Estado americano do Oregon, mudando-se para a Califórnia aos 23 anos, quando passou a ter bastante contato com diretores e produtores. Participante ativo da Los Angeles Science Fantasy Society (associação de fãs e produtores de ficção-científica e fantasia de Los Angeles), publicou seus contos de sci-fi ainda naquela época, além de organizar convenções do gênero. Contribuiu para guias sobre cinema (Reference Guide to Fantastic Films, 1972; Leonard Maltin’s Movie Guide, 1978) e seu livro Keep Watching the Skies! American Science Fiction Movies of the Fifties (1982 e um segundo volume em 1986) traz uma massiva pesquisa sobre filmes sci-fi dos anos 1950-1960, uma das razões para ele ser considerado, ainda hoje, uma sumidade no meio da crítica sobre ficção científica, fantasia e horror. Stefan Jaworzyn editou o fanzine de horror Shock Xpress (1985-1990), que deu origem à série de livros homônimos. O inglês também é fundador do festival de filmes de horror Shock Around the Clock e guitarrista, tendo participado da banda de rock Skullkflower, da banda de jazz Ascension, além do projeto paralelo Descension. Jaworzyn criou também sua própria gravadora, a Shock Records (1989-1996), que retomou os seus trabalhos em 2013.

Detalhes do Produto

GêneroNão Ficção
Páginas640
IdiomaPortuguês
Formato16x23
Peso965
AcabamentoCapa Dura
CorteSem pintura
Evil Dead conta a história de como Ash – interpretado com tanta competência e inventividade por Bruce Campbell que acabou por se tornar um ícone – e seus amigos vão para uma cabana no meio da floresta para curtir as férias (como todo filme clássico de terror que se preze) e acabam encontrando um antigo livro encadernado com pele humana e escrito com sangue, o Livro dos Mortos - Necronomicon, homenagem ao mestre dos contos de terror H.P. Lovecraft. Ao tentarem descobrir do que se trata a obra, acabam por liberar demônios, que vão partir com tudo para cima dos jovens.

Em Evil Dead - A Morte do Demônio [Arquivos Mortos], que integra a Coleção Dissecando, da DarkSide®, Warren analisa minuciosamente o trabalho de Raimi em um livro que é como um saboroso prato cheio de vísceras e sangue para aqueles que estão famintos, aguardando ansiosos pelo remake deste clássico do horror e da comédia, que bebe em outros clássicos da comédia pastelão como Os Três Patetas e O Gordo e o Magro. Como diria Ash, personagem imortalizado por Bruce Campbell: “Maravilha! Viva o rei, baby!”

Agora, com O Massacre da Serra Elétrica [Arquivos Sangrentos], que inaugura a Coleção Dissecando – Filmes Clássicos de Terror, sobre os filmes clássicos do terror, da Darkside®, você vai conhecer tudo sobre esta obra incomparável do medo, escrito por alguém que é fã do assunto. O livro do músico e escritor Stefan Jaworzyn reúne histórias dos bastidores dos filmes da série, perfis do diretor e do psicopata que inspirou o longa, críticas da época, além dos relatórios que recomendavam a censura do filme, tudo amplamente ilustrado com fotografias raras e inéditas da filmagem e os cartazes que a obra ganhou mundo afora. O Massacre da Serra Elétrica acabou por se tornar um do mais importantes e controversos filmes de terror da história do cinema, influenciando praticamente todo grande filme do gênero feito após dele. A obra dirigida por Tobe Hooper chamou a atenção e ganhou o respeito dos fãs do gênero por abordar a história de maneira realista, quase documental, o que confundiu e assustou autoridades e censores mundo afora, que proibiram a obra por muitos anos de ser exibida em dezenas de países, o que só ajudou a despertar a curiosidade do público. O enredo é simples e conhecido: jovens em seu furgão pelas estradas do Meio-Oeste norte-americano param em uma fazenda a procura de ajuda. Começa então uma caçada aterrorizante, repleta de suspense e horror, que vai culminar com o massacre do título.

[Arquivos Sangrentos] Baseado em novas e completas entrevistas com mais de 20 pessoas do elenco e da equipe de produção, O Massacre da Serra Elétrica [Arquivos Sangrentos] integra a Coleção Dissecando, da DarkSide®, e apresenta pela primeira vez o making of e a história completa da série, revelando seus bastidores e inclui um prefácio do próprio Leatherface (Gunnar Hansen); fotografias raras e inéditas das produções; cobertura aprofundada das cinco sequências que o filme teve até hoje, e muito mais.

Similares